NÃO PERCAM!

Acompanhem as postagens anteriores

terça-feira, 22 de junho de 2010

GUERRA CONTRA A IMPRENSA


Por Felipe Dótoli

Será ódio, perseguição ou apenas diversão. O fato é, definitivamente Dunga não se dá bem com os jornalistas.

Desde que assumiu a seleção brasileira, em 2006, após o vexame brasileiro na copa da Alemanha, a relação treinador/imprensa, sempre foi muito conturbada. Mesmo com as críticas ele já deveria ter se acostumado com a situação, já que é o técnico da seleção brasileira, a mais cobrada das seleções.

A cobrança contra treinadores da seleção canarinho não vem de hoje, todos os técnicos que lá estiveram foram alvo de críticas. Não existiu ninguém mais cobrado do que Carlos Alberto Parreira em 1994, mas mesmo assim, o comandante manteu a elegância no trato com a imprensa esportiva do país.

O modo como agiu com o jornalista Alex Escobar da Rede Globo foi no mínimo inaceitável. Depois de ver o repórter gesticular negativamente com a cabeça após mais uma das críticas contra a imprensa, o treinador disparou, e inferiu xingamentos contra o jornalista que foram captados pelo sistema de áudio.

Não que eu esteja do lado de Alex, eu estou do lado de toda a imprensa esportiva do país, que merece o mínimo de respeito por parte do comandante da seleção nacional.