NÃO PERCAM!

Acompanhem as postagens anteriores

domingo, 18 de dezembro de 2011

Perder do Barcelona? Normal

Por Felipe Dótoli

Termina o Mundial de Clubes e o Barcelona vence o Santos por 4 a 0. Bastou o apito final para começarem as gozações: Cadê o Neymar? Foi para o Mundial passar vergonha?

As piadas ficam por parte dos torcedores rivais, porque, na prática, todos sabem que perder para o time catalão é a coisa mais natural do futebol atual.
O Santos não foi o único a sofrer com as jogadas de Messi, Xavi, Iniesta e os outros jogadores que completam a constelação espanhola, base da seleção daquele país.

Devemos voltar um ano no tempo. A base do Barcelona era praticamente a mesma do atual elenco, talvez com o acréscimo do excelente Cesc Fàbregas. A partida era contra o Real Madrid, valendo a liderança do Campeonato Espanhol.
Jogando em casa, o Barcelona massacrou o time merengue por nada menos que 5 a 0. E não é qualquer Real Madrid. É talvez o melhor Madrid dos últimos 5 ou 6 anos, com Cristiano Ronaldo, Benzema, Di Mária e José Mourinho, o tão badalado técnico português.

Lógico que a postura do Santos na partida da final do Mundial não foi a ideal. Mas, hoje em dia, quem consegue ter uma postura ideal enfrentando o time azul grená? Eu, sinceramente não conheço. A última vez que vi o Barcelona no chão foi contra o Getafe há alguns meses (1 a 0 para o time azul de Madrid). Mas isso só acontece quando o Barça joga 5% de sua capacidade, ou seja, uma vez a cada 5 anos. Caso contrário, é praticamente impossível.


Parabéns ao Santos por chegar à final do Mundial após um ano fantástico. Perder para o Barcelona não é demérito para nenhum clube. Devemos sentar e aplaudir a melhor equipe que eu já vi jogar, com o maior jogador que já vi atuar.

Será esse Barça o maior time da história? É cedo pra dizer, mas não duvido da equipe de Pepe Guardiola.

Nenhum comentário:

Postar um comentário